Notícias

Ministério da Economia usará biometria facial para certificação digital

O novo sistema aproveitará a base de dados da CNH (Carteira Nacional de Habilitação)

O Ministério da Economia finaliza projeto que cria uma alternativa ao modelo atual de certificação digital, no âmbito das Juntas Comerciais. Controlado pelo ITI (Instituto Nacional de Tecnologia da Informação), o sistema hoje exige do usuário uma chave criptografada, que custa até R$ 200 e tem de ser renovada periodicamente. Com isso, apenas 2,5% da população têm acesso a assinaturas digitais.

PILOTO 

O novo sistema usará biometria facial, por meio de um aplicativo de celular, e aproveitará a base de dados da CNH (Carteira Nacional de Habilitação). A ideia começará a ser testada na Junta Comercial do Rio em 20 de fevereiro.

PARA TODOS 

Os técnicos que elaboram o modelo esperam que isso barateie o acesso às assinaturas digitais e torne o acesso mais amplo. O atual sistema continuará em vigor.

Fonte: Folha de S.Paulo
Mônica Bergamo

Leia também

Convênios

eGAC
CDL
GBrasil
Accor
Auditsafe
pki
G+D Mobile Security
Idemia
Gemalto
CryptoID
Insania