Notícias

Junta Comercial suspende atendimento presencial e serviços podem ser realizados online

Por Elaine Barbosa/Secom

A Junta Comercial do Estado de Rondônia (Jucer), assim como outras secretárias e autarquias do governo, suspendeu o atendimento presencial aos usuários em todas as unidades, conforme orienta o Decreto nº24.887, de 20 de março de 2020, que declarou estado de calamidade público. A Jucer sugere a utilização dos serviços pelos meios digitais, tanto para os processos de abertura, alteração e baixas de empresas, quanto para a emissão de certidões e autenticação de livros por meio digital e através da certificação digital.

Os atendimentos online oferecidos estão disponíveis no site da Jucer: www.rondonia.ro.gov.br/jucer e no Portal da Empresa Fácil: www.empresafacil.ro.gov.br .

” Orientamos que todos os nossos usuários fiquem em casa atendendo as recomendações do governo, entretanto informamos que todos os serviços da Jucer, estão disponíveis eletronicamente”, explica o presidente da Jucer, José Alberto Anísio.

A equipe da Jucer está trabalhando em home office e continuam atendendo as solicitações do sistema, dando continuidade a produtividade. ” Estamos atendendo as demandas. Em videoconferências com as demais juntas comerciais do país. Esse tipo de trabalho já existia na Jucer com os analistas e sempre teve um bom rendimento”, esclarece o presidente da Jucer.

A sede da Jucer fica em Porto Velho e em onze municípios que são; Ariquemes, Buritis, Cacoal, Cerejeiras, Colorado do Oeste, Guajará-Mirim, Jaru, Ji-Paraná, Rolim de Moura, São Miguem do Guaporé e Vilhena.

Leia também

Convênios

eGAC
CDL
GBrasil
Accor
Auditsafe
pki
G+D Mobile Security
Idemia
Gemalto
CryptoID
Insania